Cobrador de ônibus deficiente morre após bandidos incendiar ônibus em Fortaleza

Morreu na manhã desta segunda-feira (8) o cobrador de ônibus José Nunes de Sousa Neto, de 56 anos. Ele estava internado no Instituto Dr. José Frota (IJF), em Fortaleza, desde 20 de abril, quando foi atingido pelo fogo, em um ataque ao ônibus em que trabalhava, no Bairro Canindezinho.

José era deficiente físico e não conseguiu sair a tempo. Ele teve queimaduras de terceiro grau e estava em estado grave desde o ataque. Noventa por cento do corpo dele foi atingido pelas chamas.

Além do cobrador, um motorista foi vítima da série de ataques a ônibus ocorrida entre 19 e 21 de abril. João Bosco Júnior não conseguiu tirar o cinto de segurança e foi atingido pelas chamas, em um ataque ocorrido no bairro Barroso. Ele continua internado no IJF, em estado considerado “delicado”. No entanto, não corre risco de morte.

Loading...

Gostou? então Compartilhe!

Mais Lidas

loading...

JOIN THE DISCUSSION