VÍDEO: cidadão se recusa a pagar flanelinha e morre a facadas

O flanelinha usou uma faca para atacar rapaz na cidade de Juazeiro do Norte (CE)

Um lamentável episódio de discussão entre dois homens terminou em briga, seguida de mort. Um vídeo que circula na internet documentou um rapaz sendo atacado com uma facada no coração por causa de um desentendimento. O caso, que acabou em morte, ocorreu em fevereiro deste ano, mas até hoje está repercutindo devido as imagens serem bastante impressionantes.

Tudo aconteceu em plena luz do dia, numa rua tranquila da cidade de Juazeiro do Norte, região do Cariri, no Estado do Ceará. O que parecia uma briga sem importância, documentada pelo aparelho celular de um dos vizinhos, terminou em tragédia para uma família.

Nas imagens a briga entre os dois homens é tensa. Um homem de camisa preta tenta se defender do oponente, camisa azul, jogando uma pedra em sua direção. Ele responde empunhando uma faca, apesar dos protestos das testemunhas, que pedem para cessar a confusão. “Deixa o cara”, grita um morador.

O rapaz que carrega a faca seria um flanelinha da região. Ele avança várias vezes em direção à vítima, que tenta escapar do agressor.

Eles dão voltas em torno de um carro preto estacionado. Em um determinado momento, o rapaz de camisa preta se aproxima para dar um chute no adversário. Ele calcula mal o golpe e acaba se expondo a um golpe certeiro do outro. A faca atinge a região do coração. A vítima sente o golpe, examina o ferimento, mas segue tentando se defender. Joga a pedra uma última vez e depois apenas se esquiva.

Outros cinco rapazes entram na briga para tentar afastar o flanelinha, que segue tentando pegar o seu alvo. Uma mulher grita bastante para que alguém intervenha e a confusão acabe. A situação é tensa. A vítima já machucada grita “Você está frito comigo”.

Até que um dos homens consegue finalmente segurar o agressor por trás. O vídeo ainda mostra a vítima ensanguentada, mas ainda em pé na outra extremidade da rua.

O atingido pelas facadas foi identificado como Paulo Fabiano Alves. Ele tinha 35 anos. Ele foi socorrido para o Hospital do Cariri, mas terminou morrendo, em função do corte ter atingido uma parte do coração.

 O acusado do assassinato foi identificado como Geniberto Oliveira Ramos, de 27 anos. Ele foi autuado em flagrante e vai responder pelo crime de lesão corporal seguida de homicídio. Na época ele foi levado para a penitenciária de Juazeiro do Norte. Não ficou claro o motivo que gerou o desentendimento entre os dois homens.
Loading...

Gostou? então Compartilhe!

Mais Lidas

loading...

JOIN THE DISCUSSION